A expressão fibra de vidro pode tanto referir-se a própria fibra como ao material compósito Polímero Reforçado com Fibra de Vidro (PRFV), que é popularmente conhecido pelo mesmo nome. Trata-se de um material composto da aglomeração de finíssimos filamentos de vidro que não são rígidos e são altamente flexíveis. Quando adicionado, principalmente, à resina de poliéster (ou outro tipo de resina), transformando-se em um composto popularmente conhecido como fibra de vidro.

A fibra de vidro tem alta resistência à tração, flexão e impacto, sendo muito empregado em aplicações estruturais. É leve e não conduz corrente elétrica, sendo utilizado também como isolante estrutural. Permite ampla flexibilidade de projetos, possibilitando a moldagem de peças complexas, grandes ou pequenas, sem emendas e com grande valor funcional e estético.

Ela não enferruja e tem excepcional resistência a ambientes altamente agressivos aos materiais convencionais. A resistência química da fibra de vidro é determinada pela resina e construção do laminado. Pode ser produzida em qualquer tipo de molde, viabilizando a comercialização de peças grandes e complexas, com baixos ou altos volumes de produção. Mudanças de projeto são facilmente realizadas nos moldes de produção, dispensando a construção de moldes novos. Os custos de manutenção são baixos devido à alta inércia química e resistência às intempéries, inerente ao material.

fibradevidro-landmark1

É esta tecnologia que trazemos para os produtos e soluções da Landmark.

O nosso foco é sempre o seu benefício, segurança e garantia da qualidade em diversas aplicações.